Categoria:

Social Insights: como as redes sociais podem ajudar pesquisadores

Pode ser que alguns pesquisadores achem difícil de acreditar, mas os social insights podem ser aliados valiosos de projetos de pesquisa.
Compartilhar:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Pode ser que alguns pesquisadores achem difícil de acreditar, mas os social insights podem ser aliados valiosos de projetos de pesquisa. Olhar para dados de redes sociais não significa substituir a pesquisa de mercado.

Pelo contrário, utilizar metodologias que permitam analisar dados sociais podem complementar projetos complexos. Por exemplo, um dos maiores desafios encontrados por pesquisadores é conseguir alcançar o público ideal para a pesquisa.

Por mais que se possa identificar os subgrupos desejados dentro de uma audiência alvo, às vezes alcançar essas pessoas pode ser caro e demorado, aumentando o grau de dificuldade de execução do projeto.

Mas e se você pudesse utilizar de dados de feeds públicos de redes sociais para chegar a audiência desejada? E se as informações compartilhadas fossem capazes de aumentar a sua granularidade de categorização?

Em outras palavras, e se você pudesse utilizar social insights alinhados com estratégias de pesquisa de mercado tradicionais a fim de garantir uma melhor e mais dinâmica compreensão a respeito do seu cliente?

Essa é uma das estratégias montadas por empresas que possuem times de insights robustos, como Netflix, Microsoft e Claro. A escuta social aplicada a pesquisa de mercado acaba por conferir maior poder para compreensão para esses times.

Nesse artigo iremos abordar um pouco sobre como os social insights podem auxiliar seus projetos de pesquisa a fim de torná-los mais dinâmicos e rápidos.

 

O encontro entre redes sociais e pesquisa de mercado

O fenômeno das redes sociais causou uma série de transformações culturais na sociedade. Seja no dinamismo da informação, seja na forma como nos comunicamos, as redes influenciam diretamente o comportamento moderno.

Por dia, somos expostos a uma infinidade de dados compartilhados online. Óbvio que, pelo seu caráter desagregado, a análise desses dados pode ser uma tarefa desafiadora.

Entretanto, existem ferramentas capazes de analisar enormes quantidades de dados online a fim de facilitar a categorização de informação valiosa para os negócios, gerando insights relevantes para os negócios. Os benefícios dessa escuta social podem impactar de maneira positiva times de pesquisa, insights, marketing e vendas.

 

Efetividade de abordagens baseadas em social insights

A maioria das pessoas nutrem perfis nas redes que transmitem sua identidade multifacetada. Um único perfil pode representar um advogado, pai, amante de animais e com predisposição a viajar. Isso indica que os interesses dessa pessoa podem ser relevantes para personas que estejam dentro de qualquer um desses 4 subgrupos.

A grande vantagem dessa análise é que os membros dessa audiência são auto-declarados pertencentes a um ou mais subgrupos. Isso faz com que suas interações sobre temas de interesse ocorram de maneira orgânica, algo quase impossível de ser replicado em pesquisas convencionais.

Dessa forma, ao utilizar uma abordagem de escuta social para encontrar audiências de interesse, é possível ter uma precisão enorme na categorização de subgrupos de interesse para pesquisa. De acordo com Allie Webster, Gerente de Pesquisa de Mercado da Microsoft, a ferramenta “listening-based” de pesquisa da Microsoft pode gerar uma precisão de até 80%.

Isso significa que, ao analisar 100 perfis engajados com os termos de pesquisa desejado para o subgrupo, 80 deles serão categorizados como relevante para a audiência alvo.

Além da busca por uso de termos específicos em conversas públicas, outros mecanismos podem ser utilizados para deixar a coleta de social insights mais robusta, como a frequência de uso de termos, relevância ou até mesmo um sistema de score baseado em múltiplas análises.

 

O futuro do social insights

Para se ter sucesso como pesquisador é essencial que se conheça o consumidor a fundo. É preciso identificar suas necessidades, motivações, emoções, desejos e opiniões. Isso tanto a respeito dos produtos ou serviços que sua marca oferece quanto dos competidores presentes no seu nicho.

Utilizar pesquisas para trilhar esse caminho de descoberta é essencial. Entretanto, é possível utilizar abordagens que permitam aprimorar o entendimento do público pesquisado. Nesse aspecto, a escuta social ativa pode se tornar uma grande aliada dos times de pesquisa, uma vez que ela expande o poder de categorização dos grupos de interesse.

Essa expansão é feita tanto pela compreensão da pluralidade de identidade em um único indivíduo/perfil que se enquadra em diversos subgrupos de interesse, como de indivíduos que não são auto-declarados, mas possuem engajamento orgânico com tópicos e temas que permitam realizar a categorização.

Fazendo esse dever de casa é possível ter um visão 360º sobre como aprimorar seus produtos e serviços de forma a melhor atender e encantar o consumidor.

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook